Força canarinha conquista CT de Margaret River


Pela terceira vez consecutiva, um surfista brasileiro voltou a vencer uma etapa do Championship Tour da WSL esta temporada – depois de Italo em Newcastle e Medina em Narrabeen. A confirmar o poderio canarinho em Margaret River, no feminino a vitória também sorriu a uma brasileira. 

A prova arrancou bem cedo e com ondas de forte potencial no Main Break de Margaret River. Se ainda houvessem dúvidas, desta vez os atletas brasileiros confirmaram todo o favoritismo, recordando pelo caminho que a “brazilian storm” ainda está (bem) viva. 

A primeira surpresa dos 1/4 de final foi o afastamento de John John Florence do quadro masculino devido a lesão. Depois, o rookie sul-africano Matthew McGillivray venceu Seth Moniz apenas para reforçar o bom momento que atravessa. O heat mais aguardado foi o que opôs Italo Ferreira a Filipe Toledo (foto em baixo), mas este último fez magia na sua última onda e virou o resultado a seu favor. 

E foi o brasileiro que, na final, após passar por um muito motivado Matthew McGillivray nas meias, voltou a impôr o ritmo na Austrália – com uma onda de 9,00 pontos e um fabuloso score de 17,40 pts que deixou Jordy Smith à procura de uma nota bem alta (9,40).

Com esta vitória, considerada de inesperada para muitos, Toledo ascende ao top 3 do ranking mundial e ganha um novo ânimo para a restante temporada do circuito mundial.  

Nas senhoras Tatiana Weston-Webb (na foto em baixo) derrotou Stephanie Gilmore na bateria final, embora a havaiana Carissa Moore fosse considerada a grande candidata à vitória nesta etapa, especialmente devido ao grande momento de forma que atravessa e aos desempenhos apresentados nos heats anteriores – até ser travada por Gilmore nas meias. 

Um momento que também marcou o evento e este último dia de competição foi a morte de Jack Macaulay, conhecido surfista local, filho do ex-top mundial Dave Macaulay e irmão de Bronte Macaulay que, apesar de tudo, vestiu a licra, competiu e alcançou mesmo as meias-finais. 

O tour avança agora para a quinta etapa, o Rip Curl Rottnest Search presented by Corona, cujo período de espera inicia já a 16 de maio. xxx

1/2 finais femininas:

H1: Tatiana Weston-Webb (BRA) 12.27 DEF. Bronte Macaulay (AUS) 9.00
H2: Stephanie Gilmore (AUS) 12.24 DEF. Carissa Moore (HAW) 12.00

Final feminina:

1 – Tatiana Weston-Webb (BRA) 16.23
2 – Stephanie Gilmore (AUS) 15.00

1/2 finais masculinas:

H1: Jordy Smith (ZAF) 15.33 DEF. Griffin Colapinto (USA) 15.16
H2: Filipe Toledo (BRA) 15.16 DEF. Matthew McGillivray (ZAF) 13.74

Final masculina:

1 – Filipe Toledo (BRA) 17.40
2 – Jordy Smith (ZAF) 14.23

Previous Caparica recebe GromSearch 2021
Next Porto recebeu a Liga Pro Skate